segunda-feira, 8 de março de 2010

And the oscar went to...


Pela primeira vez assisti a uma cerimónia dos óscares na totalidade. Claro que só me pude dar ao luxo de ficar a ver até às 5 da manhã porque hoje estou a trabalhar em casa.

Não vou fazer nenhuma análise exaustiva, apenas referir que estou feliz, muito feliz. A Sandra B. teve o reconhecimento pela sua interpretação. O filme ainda não estreou entre nós, mas não tenho dúvida nenhuma de que foi mais do que merecido. Quando chegar até nós, será um dos filmes a estar no meu top para ver, sem falta! 

E isto até poderia ter bastado para me deixar feliz, mas fiquei ainda mais quando a Kathryn Bigelow foi receber o óscar para melhor realização. A quarta mulher a ser nomeada, mas a primeira a vencer. E ainda mal tinha saído do palco, voltou novamente para receber o de melhor filme. Kathryn 6, Cameron 3. Lá teve ele de engolir em seco...

Feliz Dia da Mulher para todas nós :-)

6 comentários:

Sylvie disse...

Acho este dia condescendente e redutor...por acaso, já ouviram falar num dia do Homem? (exceptuando em Angola e eventualmente noutros locais onde este dia também tem este conceito de discriminação?)
Ass: la féministe

Carla disse...

Eu só vi a red carpet e o início da cerimónia (até à entrega do 1º oscar). Fico muito contente pelos vencedores escolhidos. A Sandra Bullock já merecia.

E claro que qualquer mulher fica satisfeita em ver o George Clooney no ecrã da sua televisão. Ai George...

Sofia disse...

Bem, sou sincera, no Sábado enchi-me mais de presunção que de água benta e disse para comigo: Ó Sofia e se tu aproveitasses que tás perto do cinema e foses ver o futuro melhor filme: o Avatar... e assim nem precisas de assistir àquela coisada toda no Domingo que nunca mais tem fim. Hoje , às 7 da matina, levo com uma chapada cinéfila chamada Bigalow. Toma lá que já almoçaste! Seja como for, ADOREI o Avatar e os incríveis Navi! Quanto ao dia da Mulher, não acho que seja propriamente condescendante e quem quer que o tenha criado não duvido que o fez com a melhor das intenções. Mas de facto, a mim ninguém impõe um dia em minha honra ou em honra das mulheres que eu mais prezo. Não adianta nada haver um dia 8 se não formos valorizadas o resto do ano. Mas sim: Viva as Mulheres! Em particular a D. Ana Júlia, senhora minha mãe!

Sofia disse...

Lily! Esqueci-me de dizer-te o mais importante e que te fará ter orgulho do meu lado cinéfilo: engoli (quase sozinha) um pacote inteiro de pipocas como se não houvesse amanhã. Deve ter sido o efeito 3D... Havias de lá tar qd o moço coloca o pacote à minha frente e eu lhe digo em tom reclamante: "hey eu pedi o mais pequeno" ao que ele responde "mas esse é o mais pequeno", "ah não ligue, é a minha primeira vez..." Pensei logo, se a Lily tivesse vindo comigo não me deixava fazer estas figuras! But don't get me wrong, não vou permitir que a minha boca se abra para um grão de milho que seja quando for ver o Precious!

Lily disse...

Sofia tu... fizeste... quê???

Nunca te vi comer uma única pipoca à minha frente, que se passa contigo pá?

Sofia disse...

Disseram-me que ia ver um filme cheio de criaturas azuis e eu entusiasmei-me, tipo vou só comer uma ou duas, mas pelo meio soube de mais um desaire de outras criaturas azuis (e brancas) e pronto, que se lixe, foi o pacote todo!